A Escola do Poder Judiciário de Roraima - Ejurr, em parceria com a Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados - Enfam, iniciou ontem (13) o Curso de Improbidade Administrativa na modalidade de Educação a Distância.

Dentre os participantes, 14 magistrados são do TJRR e, como iniciativa de cooperação com outros Tribunais, a Ejurr disponibilizou vagas para outros Estados da Federação.

Inscreveram-se ainda, magistrados da Paraíba, Maranhão, Amapá, Pará, Minas Gerais, São Paulo e Distrito Federal.

A capacitação tem por objetivo instrumentalizar os magistrados para, em conformidade com as alterações legislativas e jurisprudenciais recentes, julgar ações de improbidade administrativa e ações penais relativas a crimes contra a administração pública, adotando postura ética e comprometida com a inibição de ações ímprobas.

As aulas são acompanhadas pelo tutor Marcos de Lima Porta - Juiz Titular da 5ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo.

Ejurr