Para celebrar os 18 anos da Ejurr, foi realizada a palestra:  “A Comunicação Jurídica no dia a dia do operador do Direito”, com o doutor em Direito Tributário e Língua Portuguesa, Eduardo Sabbag. 

Fotos:Nucri/TJRR


A Escola do Poder Judiciário de Roraima (Ejurr) completa dezoito anos de criação em 2022. A instituição é responsável por disponibilizar aos magistrados, magistradas, servidores, servidoras, colaboradores e colaboradoras do Tribunal de Justiça de Roraima (TJRR) palestras, workshops, cursos e oficinas sobre diferentes temas relacionados à atuação do judiciário. 

 

E em alusão à celebração, foi realizada uma palestra com o doutor em Direito Tributário e Língua Portuguesa, professor Eduardo Sabbag, com o tema:  “A Comunicação Jurídica no dia a dia do operador do Direito”.

 

Eduardo Sabbag ressaltou que é  gratificante fazer parte das comemorações da Escola do Poder Judiciário.

"Hoje será aquele momento de reencontro festivo dedicado à nossa língua portuguesa, que é uma ferramenta principal para o desenvolvimento das atividades. Espero contribuir para as comemorações dessa data tão especial”, disse.


A coordenadora acadêmica da Escola do Poder Judiciário, Ana Paula Joaquim, comenta que a Ejurr é uma unidade do Tribunal de Justiça de Roraima cujo objetivo é desenvolver a formação de magistrados, servidores e colaboradores do Poder Judiciário, por meio de ações formativas e de aperfeiçoamento,  e que a palestra ressalta esse compromisso com o público interno do Judiciário roraimense. 
 

 

“A Escola, ao decorrer do ano, se propõe a desenvolver um conteúdo que auxilie o público interno do TJRR em relação a suas atividades finalísticas”.

Aline Trindade é diretora da Primeira Vara do Júri do Tribunal de Justiça de Roraima. Ela  destaca a satisfação de poder participar de mais uma palestra realizada pela Ejurr. 
 

 

“Um evento de suma importância que discutiu a comunicação jurídica no nosso dia a dia. Gostaria de parabenizar a Ejurr pelos seus 18 anos e que tem sido muito importante para a formação de todos nós do Poder Judiciário”.

O evento ocorreu nesta segunda-feira , 13, no Auditório do Fórum Advogado Sobral Pinto.
 

Fonte: NUCRI/TJRR